I Samuel 3:1-21 e 15:22-16:2

Versículo para memorização – I Samuel 3:19

Samuel viveu em um tempo de grande tribulação para Israel, começado por volta de 1170 anos antes do nascimento de Cristo. Antes mesmo de seu nascimento, foi entregue por sua mãe, Ana, para o serviço de Deus. Serviu a Deus mesmo antes de conhecê-Lo na casa de Deus, em Siló (I Samuel 3:7). Samuel serviu a Deus como profeta e sacerdote nos últimos dias de Eli. Quando Eli morreu, Samuel julgou Israel e foi o último dos verdadeiros juízes. Quando envelheceu, tornou seus filhos, Joel e Abia, juízes de Israel, mas não viveram e julgaram como seu pai, foram homens maus perante o Senhor. Aceitavam suborno e pervertiam o julgamento. Samuel não foi assim, ao contrário, foi sempre um juiz justo e um fiel profeta de Deus.

No tempo de Samuel, a palavra de Deus era muito preciosa e rara, porque não havia nenhuma revelação pública em Israel. Então, quando Deus falou com Samuel quando criança, ainda que a revelação que Ele lhe fizera fosse a de um julgamento, era uma grande coisa. Samuel era fiel a Eli e disse-lhe a verdade, e, nos anos futuros, sempre foi fiel a Deus para profetizar tudo o que Ele lhe dizia.

Quando Samuel ficou velho, e seus filhos sendo injustos, o povo de Israel pediu a Samuel que ungisse um rei para governá-los, assim como as outras nações. Diante disso, Samuel ficou muito infeliz, porém Deus disse-lhe não é a você mas a Mim que o povo está rejeitando pedindo por um rei humano. Além disso, Deus disse a Samuel que fizesse como o povo pedia. Moisés e Josué tinham sido as pessoas apontadas por Deus como líderes; no entanto, o povo não os seguira. No tempo dos juízes e, quando não havia nenhum líder, o povo sempre se rebelava contra Deus. Assim, agora, Deus os provaria sob o domínio de um rei para revelar, mais tarde, a desobediência de seus corações e mostrar sua profunda necessidade de um Salvador, ao invés de um rei.

Então, Samuel é fiel a Deus. Ungiu Saul para ser rei. Entristeceu-se muito quando Saul foi rejeitado e, depois, sob orientação de Deus, ungiu Davi. Os livros de Samuel abrangem cerca de 156 anos.

Perguntas – SAMUEL

1. Qual era o nome da mãe de Samuel?
2. Qual era o nome de seu pai?
3. Quem era o juiz de Israel, quando Samuel nasceu?
4. Samuel escolheu ser servo de Deus?
5. Por que foi à casa de Deus para servi-lo?
6. Quem Samuel achava ter ouvido, quando o Senhor o chamou?
7. Por que Samuel não reconheceu quem o estava chamando?
8. Qual foi a primeira revelação que Deus fez a Samuel?
9. Por que a palavra de Deus era preciosa no tempo de Samuel?
10. Samuel foi fiel a contar ao Eli a profecia do julgamento?
11. Como Eli se sentiu a respeito de Samuel e Deus?
12. Quais eram os nomes dos filhos de Samuel?
13. Eles seguiram o exemplo de Samuel?
14. Quem foram os últimos três juízes de Israel?
15. Que pedido Israel fez a Samuel nessa época?
16. Como Samuel se sentiu em relação a esse pedido?
17. O que Deus disse-lhe sobre isso?
18. Quem Samuel ungiu para ser o primeiro rei?
19. Samuel amava o rei Saul?
20. Samuel profetizou contra Saul, quando esse pecou?

Autor: Pr Forrest Keener
Tradução: Albano Dalla Pria
Revisão: Daniel Aaron Gardner
Edição: Calvin Gardner 04/04
Fonte: www.palavraprudente.com.br

www.estudosnovotempo.com.br